Novas adidas Predator 20.1 Low

Hoje é um dia especial para todos os entusiastas do mundo do futebol. Já que hoje foi anunciado e de maneira oficial a apresentação das novas chuteiras adidas Predator, mas na sua versão low cut, versão essa que assume alguma preponderância face à sua irmã mais cara, visto que é aquela que se parece mais com uma chuteira predator original. Para todos os mais desconfiados, hoje iremos analisar em detalhe esta chuteira. 

04 February 2020 - Por Bruno Ferreira

A última chuteira adidas Predator com o seu look mais tradicional saiu ao mercado em 2015, mesmo antes da marca alemã decidir acabar com a linha Predator e trocá-la pela linha Ace, naquilo que foi considerada a busca pela revolução do mundo das chuteiras de futebol. À parte de alguns remakes pelo meio, o dia de hoje é assim considerado por muitos como o regresso oficial das verdadeiras chuteiras adidas Predator, já que é possível ver neste modelo que saiu hoje à venda, toda a sua verdadeira essência. 

Chuteira adidas Predator 20.1 Low

As adidas Predator low cut são basicamente as mesmas chuteiras que as chuteiras adidas Predator 20.1 FG. A única diferença é a construção da peça superior, já que a mesma apresenta uma construção em knit muito mais baixa e a meia que desaparece dá lugar a um colarinho em knit, mas que já não pode ser equiparado a essa meia que podemos encontrar nas adidas Predator 20+ e 20.1 FG. Um detalhe que pode causar algum desconforto a nível visual, é o facto de que estas Predator não possuem a tradicional língua interna, muito comum nas Predator originais, mas por um outro lado, oferecem a nova construção de parte superior em modo slip-on, o que a torna uma chuteira muito mais fácil de colocar nos nossos pés. 

Sobre a sua principal tecnologia, o DEMONSKIN, sim que podemos confirmar que está presente nesta chuteira e que apesar da sua presença ser em muito menor número quando comparada com as chuteiras adidas Predator 20+, posso confirmar sem problema algum que a tecnologia ainda cumpre o seu objectivo na perfeição. 

O material que encontramos na construção da sua parte superior é bastante diferente daquele que encontrado nas Predator 20+, já que é bastante menos maleável e um pouco mais áspero também. No entanto trata-se de um material sintético ultra-fino, que a marca adidas desenvolveu para a gama 20.1, e que nos irá aportar as mesmas sensações das chuteiras da gama mais alta, assim que as tenhamos usado por alguns momentos, e ao mesmo tempo permitir que esse mesmo material se adapte aos nossos pés. 

Quando chegamos à sola e se comparamos a versão mais cara com esta versão, a única diferença que encontramos é a nível estético, já que a sola modular de 2 peças com o control frame continúa presente, mas já não apresenta o tal acabamento estético que a versão de gama mais alta possui. 

E estas são então as novas chuteiras adidas Predator 20.1 low cut, as chuteiras que fazem com que a verdadeira essência Predator regresse ao mundo do futebol. E tu de que estás à espera para comprar as tuas?

Comentários 0

Queres deixar aqui a tua opinião?
Entra com a tua conta de utilizador para participar na nossa comunidade.