NOVAS CHUTEIRAS NIKE PHANTOM VENOM TECH CRAFT

Acabamos de receber nos armazéns da Fútbol Emotion uma nova chuteira Nike Phantom Venom. As chuteiras que vieram para substituir as Hpyervenom apresentam-se desta vez num formato de pele natural, e num conceito que decerto irá apaixonar todos aqueles que gostam do toque da pele natural e também de um look mais clássico.

28 October 2019 - Por Bruno Ferreira

Estas novas chuteiras Nike Phantom Venom Tech Craft aparecem da mesma maneira como já aconteceu de maneira semelhante com as Nike Mercurial Tech Craft em Setembro. Para quem é adepto e seguidor do mundo das chuteiras de futebol, decerto que o Tech Craft Pack de 2015 não irá passar desapercebido a ninguém. A marca americana Nike pegava em todas as suas quatro linhas de chuteiras e dotava as mesmas de pele natural por toda a sua parte superior, eliminando assim todo o material sintético dessa zona.

Nike Phantom Venom em pele natural

A tecnologia PRECISION PWR na zona de remate vem completamente banhada de pele natural. Com tudo isto implementado de tal maneira nesta chuteira, sinto que estamos a regressar de novo ao início dos anos 2000, onde as zonas de remate e passe eram consideradas zonas chave para as marcas de futebol aquando do processo de design e fabricação das mesmas. Na biqueira é possível observar como a pele natural está totalmente distribuída através dos pequenos hexágonos de alta frequência aí localizados, o que aumenta ainda mais o grip aquando do contacto com a bola.

De igual modo como já sucedeu com as Nike Mercurial, as Nike Phantom Visiom e também nas Nike Tiempo (aqui já de uma maneira muito discreta), estas novas Nike Phantom Venom também apresentam o famoso Flyknit na zona do peito do pé. No entanto esse material de alta qualidade da Nike não vem sozinho, já que para manter a forma da chuteira, a estrutura interna da chuteira possui os DYNAMIC FLYWARE CABLES. Esta é a tecnologia que se ocupa de manter o nosso pé estável e imóvel dentro da chuteira. 

Por último chegamos à zona que para mim realmente dá sentido a esta chuteira, a sua sola. 12 pitons laminados colocados estratégicamente e que em conjunto com os pequenos dois centrais, trabalham para que esta sola aporte ao futebolista toda a tracção e estabilidade que um jogador de área necessita. Esta mesma sola está apelidada de HYPER REACTIVE PLATE 2.0, uma definição perfeita para uma sola que nos chega nesta chuteira e ao futebol através de algo que já existia num desporto de alta velocidade como o atletismo. 

Comentários 0

Queres deixar aqui a tua opinião?
Entra com a tua conta de utilizador para participar na nossa comunidade.