REALMENTE É BOM UTILIZAR CHUTEIRAS FG EM RELVA ARTIFICIAL?

Hoje vou analisar um tema cujo o qual apesar de já ter tentado resolver em inúmeras vezes, continua aqui e bem presente. Por isso hoje vou mesmo deixar claro se realmente as chuteiras de futebol FG servem ou não para utilizar em relva artificial.  

15 January 2020 - Por Bruno Ferreira

Primeiro que tudo e para os mais novos aqui por estes lados, quero deixar bem claro o que é uma chuteira de futebol FG. As letras FG não são nada mais que as palavras FIRM GROUND. Ora bem traduzindo firm ground do inglês para a lingua de Camões ficamos com as palavras terreno duro. Quando aplicamos estas palavras ao conceito de chuteiras é para referir-nos a que essas chuteiras são para uso em relvados de relva natural duros. Para relvados mais suaves( com lama ou molhados) temos que utilizar um outro tipo de chuteira, as chuteiras de futebol SG (soft ground – terrenos suaves) e para relva artificial ou sintética temos aquilo que todas as marcas tem vindo a desenvolver nos últimos anos, que são as chuteiras de futebol AG (artificial grass).

Adaptação

Concentremo-nos na adaptação das diversas solas de chuteiras aos diversos tipos de campos de futebol que podemos encontrar. Uma das grandes recomendações que posso fazer a todos vocês e assim de primeiras é que em nenhum caso utilizem chuteiras FG em relvados sintéticos, já que é muito mais aconselhável utilizar algum dos inúmeros modelos de chuteiras de relva artificial que existem de momento à vossa disposição, e cujo os quais serão muito mais aconselhados neste caso. No entanto e para todos aqueles de vocês que tenham que jogar muitas vezes em campos diferentes, como por exemplo relva natural e relva artificial, temos imensas chuteiras que combinam solas FG/AG. Estas chuteiras combinam na perfeição ambas as solas e como tal estão aptas para utilização em ambos os terrenos de jogo. Dentro dos vários modelos que temos disponíveis com esta sola, a nossa melhor recomendação seriam as chuteiras Puma Football Future 5.1 Flash.

Tracção

Além da adaptação, outro detalhe muito importante é a tracção da sola em campo. Uma sola de uma chuteira FG, tem muito mais tracção e também perfura muito mais a relva do que uma chuteira de futebol com sola AG. O que acontece nestes casos, é que num campo de relva natural a força do nosso pé terá uma continuidade em todo o terreno, tanto a relva (exterior) como a terra (interior), que já não teremos num relvado artificial, já que por debaixo não existe terra. Por isso mesmo toda esta força irá ficar localizada em várias articulações do nosso corpo, o que pode eventualmente provocar lesões ligeiras ou até mesmo algum tipo de incómodo. Como tal e como os campos de relva artificial são muitos mais rígidos, na Fútbol Emotion recomendamos a que tu tenhas um calçado adequado e que te permita ter uma menor tracção, uma passada muito menos agressiva e que não irá influenciar em nada a tua aderência em campo. Ao mesmo tempo irá reduzir e muito o risco de lesões que possas sofrer.

Conclusões 

Abordando apenas estes dois detalhes posso claramente afirmar que não se pode jogar futebol num relvado sintético com uma chuteira de futebol FG. Essa é a resposta curta. E porque? Porque os campos de relva artificial mudaram imenso e temos campos de última geração(4G) onde tanto a passada como a aderência são exactamente iguais aos campos de relva natural, e aí as prestações de uma chuteira FG até são aconselhadas. No entanto e porque estes campos são muito raros, pois o que mais temos disponível e que como tal confundimos com última geração, são os campos de relva sintética 3G, uns campos onde as nossas chuteiras irão durar muito menos e onde além disso também nos iremos expor a que possamos sofrer alguma lesão casual.

 

Comentários 0

Queres deixar aqui a tua opinião?
Entra com a tua conta de utilizador para participar na nossa comunidade.