Manutenção e cuidados a ter com as chuteiras em material sintético

Conselhos para a manutenção das tuas chuteiras fabricadas em material sintético

Por suerte el material sintético no necesita nutrición para protegerlo de los agentes externos., la mejora del rendimiento de estos materiales viene dado por los diferentes usos que tras someter al material a tensiones y flexiones terminan por ablandarlo.

Cuidados básicos de mantenimiento de una bota de fútbol

  • formas internas

    Utilizar formas internas para que não percam a sua forma e para que o material se mantenha tencionado durante o período em que a chuteira está no saco (muitas vez com um Kg de roupa em cima), no armário ou no cacifo do balneário. As formas podem ser encontradas em qualquer sapateiro, não têm normalmente um preço demasiado elevado e podem ser reutilizadas em qualquer chuteira. É um elemento que não deve faltar no armário de um futebolista. Existem em vários materiais e classificam-se por tamanho.

  • Eliminar a humidade

    Eliminar a humidade para evitar que apodreçam. Para tal é importante, que cada vez que chegamos a casa, depois do jogo ou treino, secar as chuteiras, por fora e por dentro no caso de ter chovido e apenas por dentro caso tenha estado o tempo seco. Ainda que não chova, através do suor, a humidade acumula-se dentro da chuteira. Como já tínhamos referido, o material sintético tem menos respirabilidade que o natural, o que faz com que demore mais a secar e a que se evapore a humidade e este facto acaba por ser fundamental para formar maus odores e para que apodreça o material. A melhor solução é retirar a palmilha e efetuar o seguinte procedimento:

    - Se não choveu: deixar as chuteiras num lugar ventilado e protegido do sol com as formas postas.

    - Se choveu: papel de jornal no interior para que absorva a humidade e água ( um dia e meio) e após o final deste período retirar o papel e introduzir as formas.